Prémios Curiosity Data Science Iberian Awards já têm vencedores

SAS, SPAIN AI e DSPA anunciaram num evento híbrido, realizado no dia 8 de julho, os seis projetos vencedores da 1ª edição do prémio ibérico.

A primeira edição dos Curiosity Data Science Iberian Awards já tem vencedores. O SAS, líder mundial em analítica avançada e inteligência artificial, em conjunto com a SPAIN AI e a Data Science Portuguese Association (DSPA), anunciou os seis projetos premiados do concurso - dos quais cinco são espanhóis e um é português - num evento híbrido realizado a 8 de julho. 

Com o objetivo de promover a ciência de dados e demonstrar o seu impacto positivo na vida das pessoas, organizações, sociedade e economia, os prémios pretendem agradecer e reconhecer os cientistas de dados pela sua curiosidade e trabalho na resolução de problemas, assim como inspirar as novas gerações e promover a inovação em Portugal e Espanha.

Cada uma das três categorias estabelecidas teve dois vencedores ("Ouro" e "Prata", primeiro e segundo lugar, respetivamente). 

Este foi o projeto português vencedor:

  • “Prever o risco de desenvolver nefropatia diabética” - desenvolvido pelo investigador da NOVA SBE Leid Zejnilovic e pela sua equipa de Ciência de Dados constituída pelo Eduardo Hidalgo García, Miguel Matos, Carlos Gomes, Bruna Riboldi e Lénia Mestrinho, e pelo investigador da APDP Rogério Ribeiro - vencedor “Gold” da categoria Data4Good. Este projeto visa avaliar e antecipar o risco dos pacientes desenvolverem nefropatia diabética, uma doença renal crónica, através de uma ferramenta que usa algoritmos de Machine Learning. Com o objetivo de apoiar a equipa médica da APDP na tomada de decisões informadas para introduzir intervenções que possam evitar, ou pelo menos, adiar o desenvolvimento desta complicação renal, este projeto é o exemplo do uso da Analítica Avançada para a tomada de decisões clínicas baseadas em dados. Este é um projeto financiado pela fundação “la Caixa” e BPI, através da Iniciativa para a Equidade Social.

“Os projetos apresentados nesta 1ª edição dos Curiosity Data Science Iberian Awards foram muitíssimo interessantes e com um grau de inovação e eficácia surpreendentes.”, afirma Ana Patrícia Gonçalves, Cientista de dados no SAS Portugal. “Estamos verdadeiramente orgulhosos do trabalho desenvolvido pelos cientistas de dados, tanto em Portugal como em Espanha, e volto a reforçar que o SAS vai continuar a apoiar estes experts e, sempre que possível, levar a cabo mais iniciativas deste género”. acrescenta.

“Toda a equipa, APDP e Nova SBE, reagiu de forma muito positiva à notícia do prémio. Estamos todos muitíssimo motivados a investir o nosso tempo e competências em projetos que têm o potencial de causar um impacto positivo na sociedade. Este prémio foi, de facto, uma surpresa fantástica e significa muito para nós. Estamos emocionados com o reconhecimento e gratos pela oportunidade de partilhar aquilo que fazemos com um público mais amplo. Não há dúvida que este prémio reforça as nossas aspirações para continuar a aprender e agir em busca de um impacto social cada vez maior, em colaboração com organizações na Península Ibérica e no resto do mundo.” disse Leid Zejnilovic.

Prémios: doação em dinheiro e formação SAS

Os vencedores receberão um prémio em dinheiro e vários cursos e licenças do SAS, em função de estarem em primeiro ou segundo lugar: 

  • Os primeiros classificados (“Ouro”) receberão 2.000 euros e uma formação para dois cursos de eLearning do SAS Data Science Academy, no valor aproximado de 2.590€.  
  • Os segundos classificados (“Prata”) terão um prémio financeiro de 1.000€ e uma formação para um curso de eLearning do SAS Data Science Academy, no valor aproximado de 1.295€.

“Hoje em dia, temos uma oportunidade única de transformar a nossa sociedade numa sociedade melhor, baseada em evidências, mais ética, justa e inclusiva. E a ciência dos dados continua a contribuir para compreendermos, cada vez melhor, os mecanismos da natureza e mudarmos as nossas perceções daquilo que é possível fazer. Tem havido cada vez mais discussões importantes sobre o futuro dos empregos, ética, justiça, preconceito e equidade, sendo que a maioria destas discussões é sobre questões que há muito assolam o mundo, a diferença é que agora sabemos mais sobre essas questões e temos a oportunidade e obrigação de fazer algo a seu respeito.” conclui Leid Zejnilovic.

Sobre o SAS

O SAS é líder em software analítico e serviços de consultoria, e o maior fornecedor independente no mercado de business analytics. Com aplicações de negócio inovadoras, suportadas por uma plataforma de inteligência empresarial, o SAS ajuda os seus clientes distribuídos por mais de 83.000 locais a tomarem as melhores decisões de forma mais rápida, aumentando o seu desempenho e valor de negócio. Desde 1976 que o SAS oferece aos seus clientes THE POWER TO KNOW®.

 

Mais informações:

Back to Top