Notícias / Comunicados de Imprensa

SAS Institute, Software,Lda
Campo Grande,378-1ºandar
1700-097 Lisboa
Telf:210316000
Fax: 210316099
E-mail: marketing@por.sas.com

Press Release

Printer-Friendly Printer-Friendly

Noticias

 

Contabilizar o Valor dos Big Data é Vital Para a Recuperação da Economia Europeia.

Atribuir aos grandes volumes de dados um valor real pode ser decisivo para a valorização das empresas e, consequentemente, das economias.

Lisboa  (08 Jul. 2013)  – A crise financeira que se vive actualmente na Europa, bem como as crescentes exigências regulamentares e de conformidade, levou a que as empresas descobrissem o potencial da analítica de grandes volumes de dados (Big Data) para o sucesso dos seus negócios a curto e longo prazo. Segundo o estudo "Data on the Balance Sheet", realizado pela analista de mercado Centre for Economics and Business Research (CEBR) e patrocinado pela tecnológica SAS, a contabilização do valor dos Big Data pode constituir uma mais-valia para a recuperação da economia europeia, através da valorização das empresas e, consequentemente, das economias nacionais.

Resultado da compilação de vários estudos e relatórios europeus, o "Data on the Balance Sheet" analisou o potencial de negócio contido nas informações extraídas a partir da analítica de Big Data para a melhoria das relações com os clientes, optimização da produção e desenvolvimento de novos produtos.

Apesar da maioria das empresas já contabilizar os custos de recolha, armazenamento e análise dos seus dados, as actuais práticas contabilísticas em vigor não lhes permitem contabilizar o real valor dos dados, nem o seu potencial de desenvolvimento e utilização, o que dificulta a classificação dos dados como um activo empresarial.

De acordo com Graham Brough, CEO do Centre for Economics and Business Research, "é necessário que seja criada uma estrutura contabilística integrada, voltada para o futuro, que mostre aos investidores uma visão global do valor de uma empresa, inclusive a forma como valoriza os seus dados".

"Existem três formas de avaliar o valor dos dados: pelo seu valor de mercado, pelo seu custo de recolha ou pelo seu potencial de receita. No entanto, estas três formas de avaliação têm limitações, sobretudo quando falamos de depreciação, o que faz com que sejam necessários sistemas contabilísticos fora das práticas tradicionais, que não contemplem apenas o capital físico e financeiro mas também o capital humano, social, relacional e de conhecimento", acrescenta o CEO do Centre for Economics and Business Research.

A criação de uma nova estrutura contabilística a nível europeu, que reflicta o real valor dos Big Data, é igualmente defendida por outros estudos e relatórios europeus que têm mostrado como o potencial da analítica de grandes volumes de dados pode contribuir significativamente para o crescimento da economia europeia.

A título de exemplo, o estudo "Data Equity: Unlocking the Value of Big Data", também realizado pela Centre for Economics and Business Research (CEBR) e patrocinado pelo SAS, mostra que a analítica de Big Data tem o potencial de adicionar 216 mil milhões de libras (327 mil milhões de dólares) e 58 mil postos de trabalho à economia britânica até 2017. O surgimento de novas empresas, ganhos de eficiência ao nível do relacionamento com o cliente e da cadeia de abastecimento e o desenvolvimento de novos produtos e mercados, são alguns dos factores de crescimento apontados.

Para Mikael Hagstrom, Vice-presidente Executivo do SAS para as regiões EMEA e Ásia-Pacífico, "o que a Europa precisa para alavancar a sua economia é apostar fortemente num crescimento inclusivo, através da criação de emprego recorrendo à economia digital, do desenvolvimento da sua economia de serviços e da inovação da sua economia tradicional". E acrescenta, "uma melhor utilização da analítica de Big Data poderia contribuir significativamente para a obtenção destes objectivos que, a serem alcançados, proporcionariam à Europa os fundos necessários para investir 3% do seu PIB em I&D e criar 3,25 milhões de novos postos de trabalho".

O download do estudo "Data on the Balance Sheet" pode ser efectuado em http://www.sas.com/reg/gen/uk/big-data-on-balance-sheet/register.do

Sobre o SAS

O SAS é líder em software analítico e serviços de consultoria, e o maior fornecedor independente no mercado de business intelligence. Com aplicações de negócio inovadoras, suportadas por uma plataforma de inteligência empresarial, o SAS ajuda os seus clientes distribuídos por mais de 60.000 locais a tomarem as melhores decisões de forma mais rápida, aumentando o seu desempenho e valor de negócio. Desde 1976 que o SAS oferece aos seus clientes em todo o mundo The Power to Know® .

Mais notícias…

Copyright © SAS Institute Inc. All Rights Reserved.

Contactos Editoriais: